Notícias

Grávida ferida por bala perdida recebe alta; bebê segue internado

Escrito por Marielly Campos

Claudinéia foi vítima de uma bala perdida no dia 30 de junho ao ir a um supermercado na Baixada Fluminense

Da Agência Brasil

Claudinéia estava grávida de nove meses e foi submetida a uma cesária de emergência – Foto: Reprodução

A jovem Claudinéia dos Santos Melo, de 29 anos, que foi atingida por um tiro na barriga quando ainda estava grávida, recebeu alta nessa quinta-feira do hospital Moacir do Carmo, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa da prefeitura do município.

Claudinéia, que estava grávida de nove meses, foi atingida por uma bala perdida, na Favela do Lixão, em Duque de Caxias. O tiro perfurou sua barriga e atingiu o bebê em seu útero.

Depois do incidente, foi feito um parto de emergência. O bebê teve o pulmão e a coluna atingidos e corre o risco de ficar paraplégico. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, a criança continua internada em estado grave no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna.

Tragédia

Claudineia foi submetida a uma cesariana de emergência na noite do último dia 30 de junho depois que um tiro atingiu sua região pélvica e feriu o bebê que esperava há 39 semanas.

A jovem chegou lúcida ao hospital e, segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias, contou que foi atingida pelo disparo ao ir ao mercado e ser surpreendida por um tiroteio na localidade conhecida como Vila Leal, no centro do município.

No útero da mãe, o bebê foi atingido por um tiro que atravessou o tórax e feriu também uma das orelhas. Logo após nascer, ele foi entubado e levado para Unidade de Terapia Intensiva, de onde foi transferido para o hospital estadual.

Clique e veja também:
Paraplegia de bebê atingido no útero pode ser revertida

Sobre o autor

Marielly Campos

Deixe o seu comentário