Notícias

Saiba o que levar na mala da maternidade

Escrito por Marielly Campos

Pediatra sugere que a futura mamãe arrume os pertences com ao menos 20 dias de antecedência da provável data do parto

Da Redação

O ideal é organizar as roupinhas em kits, ensina pediatra – Stux/PixaBay

O fim da gravidez traz, em geral, a ansiedade da futura mamãe e também uma tarefa imprescindível – mas também considerada deliciosa para algumas gestantes: arrumar a mala da maternidade. Para ajudar nessa missão, a pediatra Gabi Ochoa dá algumas dicas.

1 – Seja adiantada e precavida. Deixe a mala prontinha com pelo menos 20 dias de antecedência da data provável do parto
2 – Cheque com a maternidade quais são os itens de higiene oferecidos pelo hospital
3 – Organize as lembrancinhas, comes e bebes, café, agua, etc., caso pretenda oferecer algo para as visitas
4 – Separe o enfeite para a porta do quarto
5 – Organize as roupinhas em kits, dentro de saquinhos. Assim você não corre o risco de trocarem os conjuntos ou as mantinhas que você preparou com tanto carinho para combinar. Geralmente o bebê permanece na maternidade até dois ou três dias após o nascimento. E como há, em média, uma troca de duas roupinhas por dia, é recomendado que você leve seis kits.



E o que levar em cada um dos kits?

– Um macacão ou vestido (plush, algodão ou tricô são os mais comuns), isso vai depender da preferência da mamãe e também da estação do ano
– um par de meias para recém-nascido
– um body de malha
– um culote/mijão (calça de malha com ou sem pesinhos)
– uma fralda de boca ou de ombro – fralda de pano
– um vira manta – tecido (cortado em forma triangular) que é colocado nas bordas da manta para que não incomode o bebê (opcional – hoje em dia entrou um pouco em desuso já que a maioria das mantas são antialérgicas)
– uma manta de tricot, algodão ou algum tecido da sua preferência. Não é necessário ter uma manta para cada kit. Você pode levar de 2 a 3, em cores neutras, que combinem e possam ser usadas com mais de uma roupinha
– Acessórios: gorro ou touquinha de lã, linho ou malha; lacinhos; pares de luvas; escova ou pente de cabelo com cerdas macias.

A médica indica ainda que a futura mamãe converse com o pediatra sobre o kit. Algumas maternidades também disponibilizam a relação de itens no próprio site.







Sobre o autor

Marielly Campos

Deixe o seu comentário